Mitos e verdade sobre doenças cardiovasculares

Mitos e verdade sobre doenças cardiovasculares

A principal função do coração é bombear o sangue para todo o organismo. Quando começam a surgir falhas neste processo, ou seja, a circulação sanguínea não está reagindo como deveria, é um sinal de que as doenças cardiovasculares estão comprometendo as funções cardíacas. São diversos os fatores de risco que aumentam a predisposição a estas doenças, como por exemplo, a idade avançada. E, além disso, existem alguns mitos e verdades muito importantes para o conhecimento da população, que iremos esclarecer neste artigo.

Conheça os principais MITOS

Apesar de serem comuns, as doenças cardiovasculares ainda criam diversas dúvidas. Por isso, é fundamental distinguir o que é mito e o que é verdade com relação aos problemas cardíacos.   

1 – Toda doença cardíaca é maligna

De fato, existem doenças cardíacas malignas, mas também existem as benignas, ou seja, somente o médico especialista poderá definir se é necessário ou não realizar um tratamento. Os médicos apenas indicam que o paciente adote hábitos saudáveis, e faça exames de rotina periodicamente.

2 – Somente pessoas obesas possuem problemas de coração

A obesidade é um dos fatores que aumentam as chances de o individuo desenvolver hipertensão arterial ou outras doenças cardíacas. Porém, pessoas magras também correm o risco de serem afetadas. Veja também: As doenças cardiovasculares e a obesidade

3 – Pessoas que bebem e fumam em excesso podem compensar os maus hábitos com atividades físicas

É um mito, pois antes de iniciar qualquer tipo de atividade física, além de um teste ergométrico, é fundamental que o individuo crie uma mudança de hábitos em sua vida. Além da alimentação, é necessário diminuir a bebida alcoólica e evitar o cigarro, para proteger o coração.

4 – Quem possui arritmia cardíaca não pode praticar esporte

Atualmente, a medicina está bastante avançada, portanto, já existem tratamentos que permitem a realização de atividades esportivas, inclusive pelas pessoas que possuem problemas cardíacos.

5 – Homens infartam com mais frequência do que mulheres

Mito! Por mais que as mulheres sejam afetadas com idade um pouco mais avançada do que a dos homens, os fatores de risco são comuns para os dois gêneros, e ambos devem se cuidar.

E as VERDADES, quais são?

1 – Bebida alcoólica / energético podem induzir os problemas de coração

Sim, pois o álcool em excesso, associado ao energético, possuem um grau alto de cafeína na composição, o que pode provocar arritmias cardíacas e levar à morte súbita.

2 – Doenças cardíacas podem ser evitadas

A prevenção pode ser feita por meio de mudanças de hábito, como por exemplo, manter uma dieta saudável, diminuir o sal, controlar o peso, entre outros. Ou ainda, pelo uso de medicamentos indicados pelo médico.

3 – Existem alimentos que favorecem a saúde do coração

Alimentos como castanhas do Pará e nozes são ótimos, pois funcionam como anti-inflamatório natural dos vasos sanguíneos, e reduzem as triglicérides, agindo como fonte de cálcio, vitaminas B e E, selênio e fósforo.

4 – Jovens também podem enfartar

Sim, isto é possível, uma vez que os fatores de risco se apresentam cada vez mais cedo na vida das pessoas, principalmente por conta do estilo de vida atual, com o consumo exagerado de álcool e o sedentarismo.

5 – A arritmia cardíaca pode surgir devido à obesidade e diabetes

Assim como o tabagismo, o sedentarismo, e o colesterol alto, a diabetes e a obesidade são fatores que podem causar arritmia e por isso, o individuo deve ficar alerta e mudar rapidamente seus hábitos de vida.

Entre em contato conosco

Entre em contato conosco

WhatsApp Agende sua Consulta